Infecção durante a Gestação



Quando uma mulher perde um filho para a Insuficiência Cervical ela só tem uma coisa em mente: cerclagem.
Isto é normal porque surge um mundo novo onde a mulher se vê envolta de dezenas de perguntas sobre técnicas de cerclagem e repouso.
No entanto, a gestante deve saber que além da cerclagem existem outros fatores para se preocupar durante a gestação, como as infecções que podem surgir a qualquer momento.
Muitas mulheres acham que só poderão sofrer aborto espontâneo por causa da IIC e se esquecem que a infecção é responsável por 23% dos abortos ou partos prematuros.
Por este motivo, segue abaixo uma cartilha dos sintomas bem como os métodos que você deve adotar para tentar minimizar este problema:

Sintomas de infecção:

1. ardência ao urinar
2. coceira na região vaginal
3. corrimento
4. cheiro ruim na região vaginal
5. dor nas costas
6. contrações
7. febre
8. náuseas
9. tremores

Estes sintomas podem surgir em conjunto ou isoladamente- por isto fique atenta. Sentir dor não é normal - caso você tenha dúvidas ligue imediatamente para o seu obstetra.



Infecção - como evitar:

1. tomar muita água (mínimo de 2lts.por dia).
2. não adianta tomar muita água se você segurar a urina. Toda hora que a vontade vier, vá ao banheiro. A gestante que tem o hábito de segurar a urina pode ter infecção urinária.
3. cuidado ao se limpar para não carregar a sujeira da região anal para a região vaginal.
4. antes de colocar os óvulos de progesterona procure lavar bem a vagina e as mãos.
5. logo após a relação sexual, lavar bem a região vaginal.
6. não é aconselhável realizar sexo oral durante a gestação (homem fazer sexo oral na mulher) devido a grande quantidade de bactérias existentes na boca.
7. mantenha uma alimentação saudável e tome as vitaminas orientadas pelo seu obstetra, pois durante a gestação todas as nossas vitaminas vão para o bebê e se você ficar desnutrida pode favorecer o surgimento de infecções
8. fale com o seu médico sobre a diabete gestacional, pois se houver aumento de açúcar no sangue a imunidade poderá cair favorecendo a entrada de bactérias principalmente na região vaginal.
9. converse com o seu médico sobre os fios utilizados na cerclagem. Hoje em dia a maioria dos médicos utilizam fios que dificilmente ocasiona rejeição no corpo da paciente, mas principalmente para quem realiza esta cirurgia pelo SUS, os hospitais podem usar um fio mais barato e neste caso não tão apropriado.
10. procure um urologista antes de engravidar e faça exames (se você tem quadros de infecções recorrentes).
11. não tome antibióticos e nem nenhum outro medicamento por conta própria.

Se você já teve perdas gestacionais associadas a infecção, procure um especialista antes de engravidar novamente. Faça os exames e veja junto ao médico o que poderá ser feito para minimizar o risco de contrair infecções durante a gestação.

Autoria: Erivane de Alencar Moreno


 cerclagem@cerclagem.com.br
 Comentários da autora  / Entrevistas Fale conosco




© Todos os direitos reservados a ERIVANE DE ALENCAR MORENO. Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que as fontes sejam citadas.
© Copyright 2010 

ATENÇÃO: as informações disponibilizadas neste site e fornecidas através da newsletter do site CERCLAGEM  têm propósitos orientadores, e não representam um substituto para aconselhamento e/ou tratamento médico especializado.



  Site Map